Busca:
Bem vindo(a) | Meu Cadastro | Loja Virtual | Carrinho de Compras (R$ 0,00)
Assine a Newsletter | Ouvidoria | Fale Conosco
Plataforma Geral Gestão 2011-2012

INTERFACES – GESTÃO 2011 / 2012


Quando foi constituída a FEBRAP, em 21 de agosto de 1976, havia catorze escolas de psicodrama no Brasil. Segundo José Fonseca Filho, um dos articuladores deste processo, as diferenças se davam no campo político, já que no jovem movimento não se apresentavam diferenças teóricas e técnicas.


Ao longo destes anos a FEBRAP mantém-se como sociedade civil, de direito privado, de caráter científico-cultural, sem fins lucrativos, congregando entidades que adotam como base comum a filosofia, teoria e práticas propostas por Moreno.


Alguns objetivos simples e fundantes de nossa Federação permanecem: a organização de um congresso periódico; uma publicação que acolhe a produção escrita; e um conselho que cuida de normas mínimas para a formação de psicodramatistas.


Em 2011 a FEBRAP vai completar 35 anos e já vem mostrando a complexidade de sua vida adulta. É desta evolução e crescimento que cada Diretoria que assume sua coordenação vem se ocupando. E não será diferente com INTERFACES.


Hoje o congresso é sistêmico e processual. De publicações, inclusive eletrônica, passamos para o desejo de editoração - no modelo científico e no modelo popular. Nossas formações, desdobradas em níveis, exigem uma ampliação dos olhares sobre pesquisa; um passeio do ético ao estético, do desejado e imaginado de nossas regras ao possível e real de nossas Federadas.


A FEBRAP é hoje uma rede, articulada internacionalmente, de 36 Federadas: 05 no Centro-Oeste, 05 Norte/Nordeste, 05 no Sul, 21 no Sudeste – sendo 16 em São Paulo. A diversidade de práticas, os desdobramentos de nossas produções teóricas, a ampliação dos campos de trabalho, a multiplicidade das disciplinas transversas e as singularidades dos psicodramatistas e das Federadas é um desafio para nós, da Chapa INTERFACES.


Acreditando que a força da FEBRAP está no fortalecimento de suas Federadas, nossa política é o desenvolvimento sustentável, concebido como o atendimento de nossas necessidades do presente, preservando possibilidades para as gerações futuras.


Estamos apoiados em três eixos político-estratégicos: sustentabilidade, visibilidade, e interatividade. Para cada eixo, temos duas táticas principais e, a partir destas, um desdobramento operacional (veja nos quadros a seguir) que se transformará em ações.


Nossa forma de trabalho vai privilegiar a construção coletiva, o que requer interfaces internas bem cuidadas e aprimoramento da participação e diálogo com as Federadas e com as redes nacionais e internacionais de psicodramatistas.


É com esta proposta que a Chapa INTERFACES vem pedir a sua participação, o seu apoio e o seu voto.    


Eixos de trabalho


1 - SUSTENTABILIDADE: organizar e sustentar as ações
–    Fortalecer o ensino nas Federadas        
–    Trabalhar para a evolução financeira das Federadas e da FEBRAP
2 - VISIBILIDADE: perceber e tornar visível as ações
–    Expandir a Política de Marketing Gerador de Conhecimento
–    Viabilizar Publicações e Produções Psicodramáticas nos diversos campos da socionomia        
3 – INTERATIVIDADE: encontrar e integrar  pessoas e ações
–    Ampliar a Rede
–    Manter vínculos Institucionais